Maior responsabilidade para produtores

A eliminação de guimbas e de lixo plástico custa muito dinheiro. No futuro, os produtores de artigos descartáveis deverão dar a sua contribuição para isso.

Mehr Verantwortung für Hersteller
dpa

Berlim (dpa) – Produtores de artigos descartáveis, como cigarros ou copos, para café deverão no futuro dar a sua contribuição para a limpeza das ruas e dos parques. Até 2021 devem ser aprovadas as bases legais para isso, anunciou a ministra alemã do Meio Ambiente, Svenja Schulze, na segunda-feira em Berlim. O objetivo é aliviar os cofres dos municípios – e conscientizar a sociedade. «Jogar lixo fora displicentemente em lugares públicos, isso está se generalizando cada vez mais», afirmou Schulze. Os custos de limpeza têm de ser financiados até agora pelos municípios e assim por todos os cidadãos. Agora deverá ser criado um incentivo para os produtores, a fim de que optem por embalagens reutilizáveis, em vez de artigos descartáveis.

As bases para a chamada responsabilidade de produtor foram criadas pela UE na primavera setentrional. As empresas municipais anunciaram que, durante um ano, vão pesquisar de maneira representativa, que cota os produtos descartáveis e os cigarros têm no total do lixo de locais públicos. As empresas municipais de coleta de lixo trabalham 365 dias por ano, afirmou o presidente da Federação de Empresas Municipais (KVU) e prefeito de Mainz, Michael Ebling. Até dois terços do conteúdo de latas de lixo das ruas são compostos de embalagens descartáveis. Somente em Mainz, isso perfaz 120 toneladas por ano.

Os produtores de embalagens descartáveis já pagam uma taxa ao chamado Sistema Dual que, através por exemplo de latas ou sacos de lixo amarelo ou alaranjados, é responsável pela coleta e reciclagem do lixo de embalagens dos domicílios.

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de