Religion-Churches-Mosques-Synagogues-Temples

Construção sustentável

Louisa Hutton e Matthias Sauerbruch, arquiteta inglesa e arquiteto alemão, reconstruíram em Colônia a basílica ­Immanuelkirche, dando-lhe uma nova interpretação, onde se destacam a luz e as cores. O espaço interior se torna contemplativo e, através da nova forma arquitetônica, ele se ­incorpora totalmente no aqui e no agora. Por essa obra arquitetônica, Sauerbruch e Hutton ­receberam em 2015 o Prêmio Alemão de Arquitetura.

Leia mais
Religion-Churches-Mosques-Synagogues-Temples

Moderna e visível

Cinco andares e dois minaretes de 55 metros de altura. A nova mesquita central da União Turco-­Islâmica (DITIB), no bairro de Ehrenfeld, em Colônia, está à vista de todos. Essa moderna construção, projetada por Gott­fried e Paul Böhm, é uma de cerca de 150 mesquitas da Alemanha. Além destas, existem no país aproximadamente 150 centros de culto. Essa mesquita deverá ser inaugurada ainda em 2017, mas, em junho, já esteve aberta aos fiéis.

Leia mais
Religion-Churches-Mosques-Synagogues-Temples

Mensagens reluzentes 

Coloridas e tradicionais. As pinturas murais na igreja St.-Sava-Kirche, em Düsseldorf, dão a impressão de sempre terem existido. Mas quem as pintou foi Miroslav Lazovic, em 2009. Quando essa igreja foi fundada, na década de 1960, ela foi uma das primeiras igrejas sérvio-ortodoxas ­fora da Sérvia. Hoje, 1,5 milhão de cristãos na Alemanha são fieis das diferentes igrejas ortodoxas

Leia mais
Religion-Churches-Mosques-Synagogues-Temples

Nova pátria para hindus 

A deusa hindu Sri Kamadchi tem um lar em Hamm, na Vestfália. Alguns tâmiles, que tinham fugido de Sri Lanka, fundaram aqui, em 1989, uma comunidade religiosa, agora já reconhecida como comunidade hinduísta. Em 2002 foi inaugurado oficialmente o seu templo, o maior do continente europeu, que foi projetado de acordo com as rígidas prescrições rituais e construído por muitos trabalhadores da Índia. O templo tem um pórtico de 17 metros de altura. 

Leia mais
Religion-Churches-Mosques-Synagogues-Temples

Preservar o antigo e criar o novo

Não é óbvio que na Alemanha de hoje existam 105 comunidades judias ativas. A sinagoga da rua Rykestrasse, em Berlim, também foi uma das que foram incendiadas na Noite dos Cristais de 1938. Ela foi reconstruída em 1953 e restaurada em 2007. Ela é a maior sinagoga da Alemanha. A imigração de muitos judeus da antiga União Soviética deu impulso à construção de muitas novas sinagogas na década de 1990.