TdT_Plätzchen_081214

Imagens

“Spekulatius” do melhor padeiro da Alemanha

“O Melhor Padeiro da Alemanha”, Arno Simon, revela a deutschland.de a sua receita magistral de “spekulatius” amanteigado.

Assar é uma arte, que é dominada por Arno Simon, de Löhne na Renânia do Norte-Vestfália. Com sua equipe, ele conquistou o título de “O Melhor Padeiro da Alemanha 2014”. No concurso promovido pela emissora ZDF (Segunda Televisão Alemã), a empresa familiar convenceu os jurados com a habilidade artesanal e a peça apresentada, um modelo tridimensional da mina Zollverein. O trabalho ao forno é tradicional para a família Simon, já na sua terceira geração. Arno Simon manteve a tradição. Da sua grande oferta em pães, agrada-lhe de maneira especial o “Graubrot” (pão com mistura de farinha de centeio). Mas na época pré-natalina, a preferência pode ser também por algo especial: o “spekulatius” amanteigado. Aqui está a receita de mestre:

“Spekulatius” amanteigado:

1000 gramas de farinha de trigo

500 gramas de açúcar

500 gramas de manteiga

2-3 gemas de ovo (dependendo do tamanho)

10 gramas de temperos para “spekulatius” (já misturados num envelope pronto)

ou uma mistura própria de canela, anis-estrelado, erva-doce, pimenta da jamaica, noz-moscada, cravo, coentro, cardamomo

3 gramas de fermento ABC (bicarbonato de amônio), tem cheiro muito forte, mas que dissipa inteiramente durante o cozimento ao forno.

70-90 gramas de leite

Fazer a massa com todos os ingredientes, de preferência um dia antes de assar, guardando-a no refrigerador. A massa fria pode ser facilmente trabalhada: ela deve ser desenrolada bem fina (1 até 1,5 centímetro de espessura) e cortada no formato desejado – tradicionalmente com a ajuda de uma forma de madeira. Assar na grade do meio do forno pré-aquecido a 170 graus centígrados por cerca de 10 minutos – dependendo da espessura do biscoito. Cuidado: assar (sobre papel-manteiga) apenas até caramelizar o açúcar e a manteiga e o “spekulatius” ficar ligeiramente dourado. Se ficar muito escuro, ele se torna amargo.

http://baecker-simon.de

http://besterbaecker.zdf.de

© www.deutschland.de

Adicionar comentário

Login para postar comentários