A Alemanha votou: SPD à frente da CDU/CSU

Encerradas as eleições federais de 2021: veja aqui o resultado.

SPD wins election
picture alliance/dpa

Com o candidato Olaf Scholz, o Partido Social Democrático da Alemanha (SPD) venceu as eleições do Bundestag (Parlamento Federal alemão), de acordo com os resultados oficiais preliminares: ele obteve 25,7 % dos votos.

A União Democrática Cristã/União Social Cristã (CDU/CSU), com o candidato Armin Laschet, obteve 24,1 % dos votos; Os Verdes, com a candidata a chanceler Annalena Baerbock, obtiveram 14,8 % dos votos. O Partido Liberal Democrático (FDP) obteve 11,5 % dos votos; a Alternativa para a Alemanha (AfD), 10,3 % e o partido A Esquerda, 4,9%. Porém, tendo conquistado três mandatos diretos ao Bundestag, A Esquerda fará parte do Parlamento como grupo parlamentar.

Nenhum dos outros partidos recebeu mais de 5% dos votos, necessários para fazer parte do Parlamento. Como nenhum dos partidos tem maioria própria, começaram agora as negociações para formar uma coalizão de governo. Tal coalizão terá provavelmente uma maioria no Bundestag. Um governo minoritário é teoricamente possível, mas nunca existiu na história da República Federal da Alemanha.

A distribuição dos mandatos no novo Parlamento Federal: SPD 206 (2017: 153), CDU/CSU 196 (2017: 246), Os Verdes 118 (67), FDP 92 (80), AfD 83 (94), A Esquerda 39 (69). A Südschleswigsche Wählerverband (SSW), da minoria étnica dinamarquesa na Alemanha, tem um mandato.

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de