Formação dual e Indústria 4.0

Andreas Müller, subgerente da Câmara Mexicano-Alemã de Comércio e Indústria, sobre a cooperação entre os dois países.

Sandra Weiss - Education

A AHK México engaja-se no Ano da Alemanha com o tema da formação profissional. Até que ponto isso liga os dois países?

O México e a Alemanha decidiram participar ativamente da configuração da globalização e enfrentar a concorrência internacional. O México é um polo econômico apreciado como sede de empresas alemãs, que produzem lá para a região do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (NAFTA) e para o mercado mundial. A qualidade tem de igualar o nível de uma produção alemã, para isso as empresas necessitam de mão de obra especializada. Com isso, o tema da formação profissional é uma preocupação central da economia alemã no México.

O Ano da Alemanha pode contribuir para fortalecer essa cooperação?

Ele cria um contexto ideal para isso. Um simpósio organizado pela AHK México em junho de 2016 reuniu os mais importantes atores. Representantes de associações, de firmas e do setor de formação profissional debateram sobre a implementação da formação profissional dual, segundo o modelo alemão.

O que se pode esperar no segundo semestre do Ano da Alemanha?

Para março de 2017, estamos planejando um grande evento sobre o tema Indústria 4.0, isso será com certeza um ponto alto do segundo meio ano. Firmas como Bosch, Siemens, Festo, SAP e T-Systems apresentarão os seus progressos.

Ano da Alemanha no México

© www.deutschland.de