A Elbphilharmonie de Hamburgo

A Elbphilharmonie será inaugurada em Hamburgo. Outras cidades também estão planejando novas salas de concerto.

dpa/Ralph Goldmann - Elbphilharmonie

A história da Elbphilharmonie é difícil. Esta obra arquitetônica tinha sido planejada para 2010, mas sua inauguração acontecerá agora, em princípios de 2017. A Elbphilarmonie de Hamburgo foi projetada pelo escritório de arquitetura suíço Herzog & de Meuron, que também construirá o Museum des 20. Jahrhunderts em Berlim, símbolo de racionalidade e precisão da cultura arquitetônica alemã. Os custos serão bem mais elevados do que o previsto. Esta nova sala de concertos e o novo aeroporto de Berlim são os dois maiores projetos arquitetônicos da Alemanha, cujos responsáveis foram alvo de muita chacota nos últimos anos. Mas, com respeito à Elbphilarmonie, muitas pessoas fizeram as tréguas com os resultados. Todo usuário de internet pode ver essa filarmônica em um vídeo. Além disso, a Elbphilarmonie transmitirá em 11 de janeiro de 2017, durante toda a noite, a sua inauguração, inclusive a cerimônia de abertura e um concerto em livestream de 3600.

 “Um novo símbolo brilha em Hamburgo”, escreveu o jornal Süddeutsche Zeitung sobre o complexo projetado pelos arquitetos suíços Jacques Herzog e Pierre de Meuron, no qual também haverá lugar para um hotel, para apartamentos de luxo e uma praça pública. Neste meio tempo, a filarmônica já recebeu o apelido de “Elphi”. “Os habitantes de Hamburgo já a adoram”, reporta o periódico FAZ. Isto tudo torna claro que as salas de concerto são importantes símbolos arquitetônicos e pontos de encontro centrais, também em outras cidades, o que explica que outros grandes teatros de concerto estão sendo construídos na Alemanha.

Please click to enlarge

Perito japonês de acústica

Uma dessas novas construções surgirá, por exemplo, em Munique. O concurso arquitetônico para o teatro de concertos estará aberto até maio de 2017. O prédio terá duas salas de concerto, uma pequena e uma grande, com cerca de 2 400 assentos, que formarão o novo Konzerthalle, perto da estação ferroviária Ostbahnhof, no qual se apresentará principalmente a Symphonieorchester des Bayerischen Rundfunks (Orquestra Sinfônica da Rádio da Baviera). Para que esse prédio venha oferecer uma acústica perfeita, os planejadores já falaram como japonês Yasuhisa Toyota, considerado o maior perito em acústica do mundo.

Bochum também tem uma nova sala de concertos. Em fins de 2016, foi inaugurado nesta cidade o Anneliese Brost Musikforum, em honra a Annelise Brost, falecida em 2010, que foi editora e iniciadora de uma fundação que promove este projeto, onde doadores privados também são um importante fator. Mas esse produto arquitetônico, projetado pelo escritório de arquitetura Bez + Koch, de Stuttgart,  foi acompanhado por muitas discussões. Os críticos achavam que a Região do Ruhr não precisava de mais uma grande sala de concertos, pois as cidades de Essen e Dortmund já as tinham. Mas os habitantes Bochum tinham uma outra opinião, comprovando sua criatividade com uma propaganda bem sucedida e com a arrecadação de meios não públicos.

© www.deutschland.de