Prognóstico para 2017

O ano de 2017 será ressaltado pelas eleições ao Parlamento Alemão, mas outras datas também deverão ser agendadas.

dpa/CHROMORANGE/Dieter Möbus - annual preview

O Ano Político de 2017 começará na Alemanha com a eleição de um novo presidente federal em 12 de fevereiro. Os grandes partidos, CDU/CSU e SPD, apoiam a candidatura do atual ministro federal das Relações Externas, Frank-Walter Steinmeier (SPD). Depois, a vida política será determinada pelas eleições parlamentares no Sarre (em março), em Schleswig-Holstein e na Renânia do Norte-Palatinado (ambas em maio), antes de os eleitores decidirem sobre eleições ao Parlamento Alemão em setembro de 2017.

O ano de 2017 também será marcado pelo Ano de Lutero. Haverá em toda a Alemanha muitos eventos para comemorar os 500 anos da Reforma (500 Jahren Reformation), entre os quais, três grandes exposições especiais em Berlim, Wittenberg e no castelo de Wartburg em Eisenach. A vida e as atividades de Lutero também serão nos EUA o tema de três grandes exposições (drei großen Ausstellungen). O 500º aniversário da Reforma, em 31 de outubro de 2017, será feriado nacional em todos os Estados alemães.

Os amantes de arte poderão colocar bem no topo da agenda de 2017 a mais importante mostra internacional de arte contemporânea, a Documenta 14, que acontecerá de 10 de junho a 17 de setembro de 2017 em Kassel e, pela primeira vez em Atenas, a capital da Grécia, de 8 de abril a 16 de julho de 2017.

Além disso, comemoraremos em 2017 o aniversário do nascimento e o aniversário da morte de excepcionais personalidades alemãs. Em 8 de março, há cem anos, faleceu o conde Ferdinand von Zeppelin, que inventou o aeróstato rígido, chamado “Zeppelin”, fundando em 1908 a ainda existente firma Luftschiffbau Zeppelin GmbH em Friedrichshafen. A artista gráfica e escultora alemã Käthe Kollwitz nasceu em Königsberg aos 8 de julho, há 150 anos. Ela criou uma obra muito séria, em parte brutal, dando início a um estilo artístico autônomo. Em 14 de setembro, a Alemanha celebrará o 200º aniversário de nascimento de Theodor Storm, escritor representante do realismo. Sua obra está muito unida à paisagem do norte da Alemanha. Seu contos giram em torno de dois temas: a vida fracassada e o amor fracassado. Em 21 de dezembro é o 100º aniversário de Heinrich Böll, um dos mais importantes escritores alemães do pós-guerra e detentor do Prêmio Nobel de Literatura de 1972. O falecimento de Konrad Adenauer será comemorado em 2017 pela 50ª vez. O primeiro chanceler da República Federal da Alemanha (de 1949 a 1963) será honrado pela sua cidade natal de Röhndorf com uma exposição permanente.

© www.deutschland.de