Prêmio do Futuro para IA da Baviera

Uma equipe de pesquisadores de Munique é agraciada com o Prêmio Alemão do Futuro pelo presidente federal alemão.

Zukunftspreis für KI aus Bayern
Deutscher Zukunftspreis/Ansgar Pudenz

Berlim (dpa) – Descobrir processos morosos ou defeituosos nas empresas através de Inteligência Artificial (IA): pela primeira vez, os programadores de um software são agraciados pelo presidente federal alemão com o Prêmio Alemão do Futuro. Frank-Walter Steinmeier entregou o prêmio na noite da quarta-feira em Berlim a um grupo de Munique, liderado pelo matemático Alexander Rinke, de 30 anos de idade. Essa foi a mais jovem equipe premiada em mais de 20 anos de história do prêmio dedicado a técnica e inovação, que é dotado com 250.000 euros.

«A equipe criou uma ferramenta digital versátil e de simples manuseio, com a qual se pode analisar, expor e tornar mais eficientes os processos empresariais», esclareceu o gabinete presidencial. Rinke e seus colaboradores, um especialista em Informática e um perito em Informática Econômica, fundaram em 2011 a firma Celonis como uma «start-up» da Universidade Técnica de Munique.

A firma, que tem também uma filial em Nova York, é especializada em análise de dados. Seu produto visa a otimização de processos nas firmas. Com ele, pode-se lograr-se, por exemplo, que os trens e aviões sejam mais pontuais ou também que os pacientes sejam tratados mais rapidamente nos hospitais, descreveu Rinke pouco antes de receber o prêmio. De maneira geral, podem ser reconhecidos os potenciais de economia, por exemplo, e lograr ainda maior satisfação dos clientes e lucros mais altos.

Por trás disso está o chamado «Process Mining»: os dados das empresas são «desenterrados» e compilados, para reconhecer onde há possivelmente os estorvos – assim foi explicada a tecnologia durante a entrega do prêmio. Principalmente nas grandes empresas, não é fácil frequentemente dar-se conta de todos os contextos.  

Nesse ínterim foram criados 800 empregos na Europa, nos EUA e na Ásia. Fazem parte dos clientes em todo o mundo numerosas grandes empresas, como Siemens, BMW e Airbus, segundo Celonis. Poucos dias atrás, a empresa recebeu novos investimentos da ordem de 290 milhões de dólares, que vão financiar seu novo crescimento. A firma Celonis foi avaliada em 2,5 bilhões de dólares.

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de