Progresso na formação de governo na Alemanha

Os possíveis parceiros de governo SPD, Verdes e FDP querem apresentar um acordo de coalizão na próxima semana. O novo governo poderia então tomar posse no início de dezembro. 

Fortschritte bei Regierungsbildung in Deutschland
dpa

Berlim (dpa) – Quase dois meses após as eleições parlamentares, a formação de um novo governo federal alemão está se aproximando. Os possíveis parceiros de governo SPD, Verdes e FDP mantêm seu plano de apresentar um acordo de coalizão na próxima semana. Os secretários-gerais dos três partidos manifestaram-se satisfeitos com o curso das negociações. Desde segunda-feira, os 21 principais negociadores discutem os resultados de 22 grupos de trabalho – e tentam resolver os pontos em aberto.

O gerente nacional do partido Os Verdes, Michael Kellner, falou de uma atmosfera muito boa e construtiva. «A minúcia é mais importante que velocidade», enfatizou ele. O secretário-geral do Partido Liberal Democrático (FDP), Volker Wissing, afirmou que não deseja ser apressado. Até agora, porém, as conversações progrediram «um pouco mais rápido» do que ele esperava. O secretário-geral do Partido Social Democrático (SPD), Lars Klingbeil, também está convencido de que o cronograma poderá ser cumprido.

Os secretários-gerais não revelaram nada sobre acordos substanciais ou pontos de discórdia. Eles também querem esclarecer até a próxima semana qual partido assumiria quais ministérios. O objetivo do SPD, dos Verdes e do FDP é que Olaf Scholz (SPD) seja eleito chanceler na semana que começa em 6 de dezembro e que seu gabinete seja então empossado.

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de