Um quarto da população tem histórico de migração

A Alemanha é diversificada: mais de 21 milhões de pessoas nasceram com passaporte estrangeiro – ou pelo menos um dos pais tem uma nacionalidade estrangeira. 

Migration in Deutschland
dpa

Wiesbaden (dpa) – Na Alemanha, mais de um quarto dos habitantes tem um histórico de migração. No ano passado, o número subiu para 21,2 milhões de pessoas, ou 26% da população, segundo divulgou na terça-feira o Departamento Federal de Estatística, em Wiesbaden. Quase dois terços (65%) das pessoas com antecedentes migratórios são imigrantes de outro país europeu e seus descendentes.

De acordo com a definição do Departamento Federal de Estatística, um histórico migratório é constatado, quando a pessoa não nasceu com cidadania alemã ou este é o caso de pelo menos um dos seus pais.

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de