Governo alemão decide sobre ajuda imediata

O governo alemão vai dispor 400 milhões de euros em ajuda de emergência para as vítimas das enchentes. Isto será seguido por um fundo de reconstrução no valor de bilhões. 

Bundesregierung will Soforthilfe beschließen
dpa

Berlim (dpa) – Uma semana após o início da catástrofe das inundações, o governo alemão vai decidir sobre milhões em ajuda de emergência nesta quarta-feira. O objetivo é reparar os piores danos aos edifícios e às infraestruturas municipais e aliviar as necessidades mais prementes. O valor total será de cerca de 400 milhões de euros, metade dos quais devem ser pagos pelo governo federal e a outra metade pelos Estados. Além disso, está previsto um fundo de reconstrução no valor de bilhões de euros. O montante deste fundo só será decidido quando a extensão dos danos puder ser constatada com maior precisão.

A catástrofe, que custou mais de 170 vidas, será tratada pela primeira vez no gabinete federal na quarta-feira. A chanceler Angela Merkel (CDU) e o vice-chanceler Olaf Scholz (SPD) já prometeram ajuda não burocrática para as vítimas das enchentes. «Espero que seja uma questão de dias», disse Merkel na terça-feira durante uma visita a Bad Münstereifel, cidade muito danificada. O ministro das Finanças, Olaf Scholz, prometeu em entrevista ao jornal «Rheinische Post» que «o governo federal fará tudo para apoiar rapidamente todos os afetados e da forma mais desburocratizada possível».

Fonte: dpa; tradução: deutschland.de