Boas razões para as universidades alemãs

Stefan Kögler, da TU de Munique, explica em entrevista o que a Alemanha tem para oferecer aos estudantes internacionais.

Atraente país universitário: Estudantes internacionais na TUM
Atraente país universitário: Estudantes internacionais na TUM Andreas Heddergott/TUM

Uma ampla gama de ofertas e um bom apoio: Stefan Kögler do Centro de Estudos e Ensino da Universidade Técnica de Munique (TUM) explica em entrevista, o que a Alemanha tem para oferecer aos estudantes internacionais.

Sr. Kögler, por que a Alemanha é um bom lugar para estudantes internacionais?
A Alemanha oferece cidades agradáveis, estabilidade política, universidades renomadas e um interessante mercado de trabalho. Além disso, geralmente não existem anuidades para os estudos. Na TUM, ocupamos uma posição especial pela nossa orientação empresarial e a combinação de tecnologia com medicina e ciências sociais. Graças aos nossos bons resultados em numerosos “rankings”, também somos muito conhecidos internacionalmente.

Até que ponto as universidades alemãs são internacionais?
De acordo com pesquisas atuais da União de Estudantes Alemães, a proporção de estudantes internacionais em todo o país é de cerca de 11%. Uma comparação direta com outros países é difícil, pois existem diferenças estruturais muito grandes no setor de ensino superior. Entretanto, com pouco menos de 40%, a TUM é certamente uma das universidades com a maior proporção de estudantes internacionais – um grande enriquecimento para nossa comunidade universitária.

Que desafios os estudantes internacionais enfrentam na Alemanha?
Um pré-requisito central para o sucesso acadêmico é a integração social e acadêmica. O financiamento é uma questão importante: mesmo que não haja taxas para estudar, as despesas de moradia e moradia têm que ser pagas. Além disso, suficiente conhecimento de alemão é muito útil na vida cotidiana e na interação social – estudantes de programas de graduação em língua inglesa, em particular, às vezes só se dão conta disso quando chegam.

Stefan Kögler, do Centro de Estudos e Ensino da TUM
Stefan Kögler, do Centro de Estudos e Ensino da TUM Astrid Eckert/TUM

Como os estudantes do exterior são ajudados na Alemanha?
Na Alemanha, existe uma gama muito ampla de serviços de aconselhamento prestados pelas “Studentenwerken”, pelas universidades e também por iniciativas estudantis. Na TUM em particular, existem centros de aconselhamento para estudantes internacionais, programas de ajuda dos próprios colegas e programas de bolsas de estudo, bem como apoio na busca de acomodações e de vistos. Temos também mais de 120 associações estudantis que são centrais para a integração social e acadêmica. Entre elas estão também numerosos grupos estaduais e organizações, que se dedicam à interligação em rede dos estudantes internacionais.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: