Aqui vocês podem estudar preservação da cultura

Aprender a proteger os patrimônios da humanidade através do programa internacional “World Heritage Studies”.

Nour, da Síria, estuda World Heritage na BTU
Nour, da Síria, estuda World Heritage na BTU picture alliance / dpa

À primeira vista, a catedral de Colônia, as pirâmides em Mênfis e a Grande Barreira de Coral na Austrália não têm nada em comum, se não fosse a posição de destaque que elas ocupam. Elas estão entre os 1 092 sítios que  até agora foram tombados pela UNESCO como patrimônios da humanidade. Se você quiser saber como esses sítios são cuidados, protegidos e administrados, você poderá dar uma olhada no curso universitário "World Heritage Studies" (WHS).

Onde se pode estudar preservação da cultura na Alemanha?

Na Alemanha existe um estudo de mestrado em Patrimônio da Humanidade, até agora único, que desde 1999 é ensinado na Brandenburgische Technische Universität (BTU) Cottbus-Senftenberg. Desde 2003, esse programa leva o título de “UNESCO-Lehrstuhl für Kulturerbe” (Cátedra UNESCO para Patrimônios Culturais), sendo uma parte da rede de cooperação UNITWIN, que promove a parceria entre as universidades em mais de 100 países.

Biblioteca universitária da BTU Cottbus-Senftenberg
Biblioteca universitária da BTU Cottbus-Senftenberg picture alliance / Andreas Franke

O que há de especial nisso?

O estudo de mestrado de quatro semestres foi adaptado à Convenção da UNESCO, para proteger a diversidade cultural e natural. Existem cooperações entre o Centro do Patrimônio da Humanidade da UNESCO em Paris, a Comissão da UNESCO na Alemanha e muitas organizações e universidades  internacionais do patrimônio da humanidade. Os estudantes podem fazer uma parte dos seus estudos em universidades estrangeiras e participar de projetos em sítios de patrimônios da humanidade. Além disso, o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) mantém uma parceria de excelência com a Deakin University de Melbourne, possibilitando aos cinco melhores estudantes da BTU um estudo completamente patrocinado na Austrália.

O que se estuda na BTU?

O curso universitário é internacional, intercultural e interdisciplinar. As aulas são em inglês. As disciplinas do currículo são: Ciências Sociais, Conservação de Monumentos Históricos, Arquitetura, Ecologia, Administração, Economia e Direito Internacional. Dois projetos práticos estão também previstos. Muitos formandos trabalham depois na área de gestão de patrimônios da humanidade, em museus, em universidades, diretamente na UNESCO ou em ONGs.

Quais são as condições de admissão a esse curso?

Os candidatos têm de possuir suficiente conhecimento da língua inglesa, uma conclusão de Bachelor of Arts (B.A.) ou uma outra conclusão que possa estar em sintonia com o estudo WHS.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany?
Subscribe here: