Os mais importantes documentos da Alemanha

Vocês deveriam conhecer cinco documentos, desde a epopeia heroica até o filme de ficção científica, que foram tombados na lista dos patrimônios culturais.

Um dos mais antigos manuscritos da Canção dos Nibelungos
Um dos mais antigos manuscritos da Canção dos Nibelungos dpa

São obras, cujo valor não pode ser medido em dinheiro. São tesouros que representam a história comum da humanidade, o Patrimônio Mundial de Documentos da UNESCO. A Alemanha tem 24 entradas no registro “Memory of the World”. Apresentamos a vocês cinco documentos importantes:

A Canção dos Nibelungos

Muito antes de “O Senhor dos Anéis” ou de “Games of Thrones”, a “Canção dos Nibelungos” já fascinara as pessoas com suas histórias heroicas. Essa epopeia, surgida por volta do ano de 1200, foi escrita por um poeta anônimo da corte do bispo de Passau. Mas a sua história é muito mais antiga, baseando-se na tradição da vitória dos hunos sobre os burgúndios no ano de 450, contendo muitos elementos fantásticos, como dragões e poderes mágicos.

Canção dos Nibelungos: Siegfried mata o dragão
Canção dos Nibelungos: Siegfried mata o dragão dpa

A 9ª Sinfonia de Beethoven

A obra prima de Ludwig van Beethoven, a 9ª Sinfonia em Ré menor, Op. 125, é uma obra magistral da música sinfônica. O 4º Movimento integra as estrofes musicadas da Ode à Alegria, de Friedrich Schiller, introduzindo pela primeira vez na história um coro misto e cantores solistas em uma sinfonia. E mais uma prova da genialidade de Beethoven é o fato de que ele já estava surdo quando compôs a “Nona”.    

Metrópolis

O monumental filme mudo “Metrópolis”, de Fritz Lang, foi rodado nos estúdios cinematográficos de Babelsberg. Ele traça uma visão futurística da cidade fictícia de Metrópolis, enfocando a separação de classes e um robô que passa a ter vida. Depois da estreia, em 1927, o filme original desapareceu. A reconstrução de uma nova versão do filme durou muitos anos, estando finalmente em cartaz nos cinemas em 2011.

Os contos dos irmãos Grimm

Era uma vez há muito tempo na cidade de Hanau, quando os irmãos Jacob Grimm (1785–1863) e Wilhelm Grimm (1786–1859) começaram a escrever contos de fada que continuam encantando as pessoas de todas as idades. Chapeuzinho Vermelho, Branca de Neve, O Rei Sapo e os Músicos de Bremen são patrimônios culturais e ainda são tão vivos como naquela época.

Os filmes de Disney, como “A Branca de Neve”, não teriam existido sem os irmãos Grimm.
Os filmes de Disney, como “A Branca de Neve”, não teriam existido sem os irmãos dpa

A Bíblia de Gutenberg

A Bíblia de Gutenberg tem 1 282 páginas e contém muito mais do que isso. Sendo o inventor da prensa de livros de tipos móveis e da máquina de impressão, Johannes Gutenberg foi um pioneiro do progresso da cultura geral e da alfabetização.

A Bíblia de Gutenberg, de 1455, da oficina de Johannes Gutenberg
A Bíblia de Gutenberg, de 1455, da oficina de Johannes Gutenberg dpa

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany?
Subscribe here: