A arte une – principalmente agora

O Instituto de Relações Internacionais (ifa) possibilita acessos virtuais aos trabalhos de artistas.

Fotografias da artista franco-marroquina Leila Alaoui
Fotografias da artista franco-marroquina Leila Alaoui ifa

Intercâmbio cultural e diálogo – ambos estão restritos nestes tempos de pandemia do coronavírus, e são entretanto mais importantes que nunca. As exposições do Instituto de Relações Internacionais (ifa) podem por isso ser visitadas também virtualmente. Há, como acompanhamento, numerosos formatos digitais.

Legado de uma jovem fotógrafa

Identidade, Comunidade, Migração – estes foram os temas, com os quais a artista franco-marroquina Leila Alaoui se ocupou nas suas fotografias e vídeos. Em 2016, ela foi assassinada num atentado terrorista em Burkina Faso. Uma impressão da sua arte é fornecida pela plataforma Contemporary And. Sua mãe Christine Alaoui, também fotógrafa, conta numa entrevista sobre a maneira de trabalhar de Leila e sobre a fundação que ela criou com o nome da sua filha. Um vídeo mostra como se pode criar objetos artísticos com o estilo de Leila Alaoui.

“Corona Diaries”

Quadrinhos, fragmentos de texto, canções próprias: durante a crise do coronavírus, o artista libanês Mazen Kerbaj produz um blog, o «Corona Diaries». Através de um vídeo, ele fornece uma impressão sobre o seu novo dia a dia. A exposição com os seus trabalhos, na galeria do ifa em Berlim, pode novamente ser visitada agora também ao vivo. Um giro virtual pela exposição pode ser acessado aqui.

Viagem Mundial – a arte da Alemanha

Cerca de 400 obras de mais de 100 artistas – a exposição “Weltreise” (Viagem Mundial) do ifa apresenta trabalhos contemporâneos da Alemanha. A exposição acaba de ser mostrada em Minsk. On-line, ela pode ser visitada através de um giro panorâmico de 360˚.

Exercícios com Paul Klee

Com a exposição “Die ganze Welt ein Bauhaus” (O mundo inteiro uma Bauhaus), o ifa se dedica à famosa escola alemã de ideias de arquitetura, configuração e design. Um vídeo mostra exercícios de cores e formatos, que Paul Klee desenvolveu em 1923/1924 na Bauhaus em Dessau. Aqui se pode acessar um giro de vídeo através da exposição.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: