Unidos na diversidade

Três jovens alemães e franceses esclarecem porque o intercâmbio cultural é muito importante em tempos de crise. 

Youth
AdobeStock

A Alemanha e a França assinaram em 1963 o Tratado do Eliseu. A Agência Franco-Alemã para a Juventude (DFJW) foi criada para solidificar sustentavelmente essa amizade entre os dois países, aprofundando as relações entre os jovens de ambos os países. Três embaixadores da juventude explicam o que lhes significa o intercâmbio internacional, sobretudo em tempos de crise.    

Reforçar os laços de união, para  continuar mantendo a amizade

Alexis Catelain, embaixador da juventude, de Le Havre, França
Alexis Catelain, embaixador da juventude, de Le Havre, França privat

O intercâmbio cultural é muito importante, principalmente em tempos de crise, pois reforça os laços de união, para que a amizade continue sendo mantida. Uma verdadeira motivação para mim, de me tornar embaixador na DFJW, foi me encontrar com jovens que atuam ativamente no intercâmbio alemão-francês, desenvolvendo com eles diversos projetos, para intensificar as relações não somente entre nossos dois países, mas também além das fronteiras europeias. Juntos, criamos uma cultura que é unida na diversidade e que pode superar os desafios globais.

Reforçar a coesão europeia

Noah Kiemle, embaixador da juventude, de Freiburg, Alemanha
Noah Kiemle, embaixador da juventude, de Freiburg, Alemanha Boris Bocheinski

Nada nos ensina tanto na vida do que tentar enviar uma carta no correio de uma pequena cidade normanda, falando francês macarrônico, ficando desesperado, mas, enfim, conseguindo enviar a sua carta. Essa lição de ser estrangeiro e ter que lidar com problemas de comunicação gera muito mais empatia com as pessoas imigrantes, pois sabemos bem das dificuldades que elas frequentemente têm. Por isso, tenho a certeza de que tais experiências não apenas reforçam a coesão dentro da Europa, mas também na Alemanha.  

Fazer pontes e transpor barreiras

Sumeja Salidzik
Sumeja Salidzik, embaixadora da
juventude, de Hanau, Alemanha   

O intercâmbio entre culturas sempre exige uma trabalho conjunto. Esse trabalho conjunto é aquilo que, na maioria das vezes, falta politicamente em tempos de crise. Quero cultivar a amizade alemão-francesa e mostrar aos jovens que vale a pena ampliar o próprio horizonte.  Uma língua e sua cultura são como instrumentos: no começo, é difícil de os manejar, mas tão logo os dominamos, eles soam maravilhosamente.   

 

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: