Educação digital

Tablet e internet, em vez de lousa e giz. Três bons exemplos de como os jovens aprendem facilmente a usar a mídia digital.

Aulas digitais. Computador tablet em vez de papel e lápis.
Aulas digitais. Computador tablet em vez de papel e lápis. dpa

Alemanha. Que progresso fizeram as escolas na passagem da era do giz à era digital?  Em 2013, o estudo internacional comparativo ICILS atestou que as escolas, as alunas e os alunos alemães tinham de recuperar bastante. Desde então, muita coisa aconteceu. Johanna Wanka, ministra federal da Educação, deu início ao “DigitalPakt#D”. A partir de 2018, cerca de 40 mil escolas deverão ser equipadas com novos computadores e software.

Tanto como ler e escrever, a competência digital é uma tecnologia cultural imprescindível para uma vida autodeterminada.

Johanna Wanka, ministra federal da Educação

Aulas na nuvem

Os professores são raramente especialistas de TI, tornando-se um obstáculo para as escolas, quando eles têm de lidar com a atualização do software ou com problemas tecnológicos. Uma das soluções deste problema é a Schul Cloud, uma nuvem escolar desenvolvida pelo Hasso-Plattner-Institut (HPI), onde o hardware e o software são implantados em uma rede de nuvem, sendo assistidos por peritos externos. O material pedagógico também é implantado lá. As escolas precisam somente de tablets e de acesso à internet, para que os professores e os alunos possam ter acesso ao material pedagógico sempre e onde eles necessitarem.

O projeto-piloto do HPI é realizado em cooperação com o Ministério Federal da Educação e Pesquisa (BMBF) e a Rede de Excelência de Escolas de Matemática e Ciências Naturais (MINT-EC). Atualmente, a Schul Cloud está sendo testada em 27 escolas.

Schul Cloud

 

Prazer em programar

Programar é extremamente fácil. Isto é o que afirma a iniciativa “erlebe IT” do Bitkom. A associação do ramo das empresas digitais está cooperando com 850 escolas alemãs. Os alunos devem aprender a usar a mídia digital facilmente, criticamente e criativamente. Eles obtêm informações dos pedagogos de mídia sobre o uso seguro da internet e sobre a proteção de dados. Os alunos frequentam workshops de programação, desenvolvendo apps escolares e aprofundando seus conhecimentos tecnológicos.

erlebe IT

Proteção contra o  assédio virtual

Sensibilizar os alunos para o assédio virtual, o cyberbullying, na internet, é uma questão do projeto de prevenção “Firewall Live”. Os iniciadores são a Associação Alemã de Proteção às Crianças e a agência de seguro de saúde Knappschaft. Elas oferecem cursos de mídia nas escolas, para os alunos do 6º ao 9º ano escolar, para os professores e os pais. 

Firewall Live

Estudos sobre a competência digital de alunos

International Computer and Information Literacy Study (ICILS) 2018

„Kompetenzen in der digitalen Welt“, Friedrich-Ebert-Stiftung, 2017  (“Competências no mundo digital”, Fundação Friedrich Ebert, 2017)

Sonderstudie „Schule digital“, Initiative D21, 2016  (Estudo especial “Escola digital”, Iniciativa D21,2016)

Safer Internet Day, 6 de fevereiro de 2018

© www.deutschland.de