Construir com entulho

Há 220 milhões de toneladas de entulhos de construção na Alemanha a cada ano – a reciclagem possibilita que novos prédios sejam construídos com eles.

Todos os materiais de construção da casa reciclada podem ser reaproveitados.
Todos os materiais de construção da casa reciclada podem ser reaproveitados. picture alliance/dpa

A vida na casa reciclada

O primeiro prédio reciclado de apartamentos da Alemanha foi construído em Hanôver, em 2019. A fim de reutilizar o maior número possível de materiais, os arquitetos elaboraram soluções criativas. Radiadores, degraus da escada e algumas paredes são feitas de antigos bancos de sauna. O isolamento da fachada é feito com sacos reciclados de juta para transporte de cacau. E as janelas vêm de um antigo centro de atividades juvenis.

O projeto levou três anos para ser planejado. Isso se deveu principalmente à longa busca de materiais de construção recicláveis e de empresas que pudessem instalar o material reciclado. A casa reciclada não será produzida em série, mas serve como um bom exemplo de como os materiais individuais podem ser reutilizados em novas construções.

Um “Impact Hub” de entulhos

les recolhem cabines de chuveiro, caixas de correio e grades de escadas: Alice Gedamu, Laurence Pagni e Simon Lee, de Berlim, querem revolucionar a indústria da construção civil. Com o projeto multimilionário de construção da CRCLR House, eles mostram como funciona a economia cíclica na construção civil. No terreno de uma antiga cervejaria, a equipe construiu uma casa de vários andares, a partir de entulho e de palha. Para fazer isso, eles aproveitaram principalmente casas em demolição e experimentaram materiais que foram jogados fora em outras obras de construção. Dessa forma, o trio manteve baixos os custos de construção, também para aliviar os custos aos inquilinos posteriores.

Em 2021, Simon entregou a Casa da CRCLR ao “Impact Hub Berlin”. A rede quer continuar moldando o edifício como mostra de sustentabilidade e projeto de integração.

Um arranha-céu de alumínio reciclado

Teoricamente, o alumínio poderia ser reciclado um número infinito de vezes. Quase nenhum outro material tem uma vida tão longa. Mas, dependendo de como é produzido, são geradas diferentes emissões de CO2. A China produz alumínio predominantemente com energia de carvão, liberando cerca de 20 quilos de CO2 por um quilo de alumínio. Na Europa, a maioria das empresas opta agora pelas energias renováveis: para cada quilo de alumínio, são gerados apenas quatro quilos de emissões de CO2.

A fachada da Torre Senckenberg (dir.) é composta principalmente de alumínio reciclado.
A fachada da Torre Senckenberg (dir.) é composta principalmente de alumínio reciclado.
picture alliance/dpa

Mas pode ser ainda mais sustentável. Uma empresa norueguesa usa alumínio reciclado em seus prédios. Isso produz apenas 2,3 quilos de CO2. Mais recentemente, o material reciclado foi usado na construção da Torre Senckenberg, em Frankfurt do Meno. A fachada do edifício comercial de 106 metros de altura é feita de 95% de alumínio, dos quais pelo menos três quartos foram obtidos de material reciclado. Dessa forma, mais de 2600 toneladas de CO2 foram evitadas durante a construção, em comparação com a produção convencional.

© www.deutschland.de 

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: