Um prêmio pela verdade

 “Freedom of Speech Award”, um prêmio para Mstyslav Chernov e Evgeniy Maloletka, que será entregue no Global Media Forum da Deutsche Welle.

Manifestantes em Maidan em 2014 – foto de Evgeniy Maloletka
Manifestantes em Maidan em 2014 – foto de Evgeniy Maloletka picture alliance / dpa

Suas reportagens não são fáceis de suportar, não são para se distrair e muito menos para se divertir. As fotos e as reportagens que mostram e expressam a miséria e o desespero na Ucrânia, assolada pelos ataques russos,  fazem com que as pessoas que as veem e que as leem não contenham as lágrimas. Mstyslav Chernov (jornalista da Associated Press e autor) e Evgeniy Maloletka (jornalista de fotos e vídeo) mostram ao mundo as pessoas e seus destinos que estão por trás dos dados sobre danos, ataques de bombas e invasões. Esses dois jornalistas ucranianos ficaram um longo tempo na cidade sitiada de Mariupol, sendo os últimos jornalistas a deixarem a cidade invadida. Suas reportagens para a Associated Press "20 days in Mariupol: The team that documented city's agony" mostra o sofrimento e a morte de milhares de pessoas civis nessa cidade bombardeada e então invadida pelo exército russo.

Evgeniy Maloletka, jornalista independente de vídeo e fotos
Evgeniy Maloletka, jornalista independente de vídeo e fotos DW

 No 15º DW Global Media Forum “Shaping tomorrow, now!”, da Deutsche Welle (DW), em 20 e 21 de junho de 2022, Chernov e Maloletka  recebem o “Freedom of Speech Award” da DW. Essa emissora internacional da Alemanha vem premiando desde 2015 pessoas ou iniciativas que são dignas de ganhar esse prêmio  pelos seus engajamentos em prol das liberdades civis e da liberdade de opinião.

Mstyslav Chernov, repórter da AP e autor
Mstyslav Chernov, repórter da AP e autor DW

Chernov e Maloletka publicaram seus textos e suas fotos das lutas e das vítimas na Crimeia e no leste da Ucrânia em muitas mídias internacionais, como BBC, Deutsche Welle, New York Times, Washington Post e Der Spiegel. Sendo correspondentes de guerra em diversas regiões de conflito, como no Iraque ou na Síria, Chernov foi ferido muitas vezes. Antes da guerra agressiva da Rússia, Maloletka trabalhou em projetos sobre a tradição e a vida diária do grupo étnico dos Hutsulos no leste da Ucrânia, mas também sobre os efeitos causados pelos permanentes conflitos em Donbass  desde 2014. Ele tirou a foto acima em 19 de fevereiro de 2014 em Maidan, durante um manifesto pela liberdade e democracia em Kiev.

O Freedom of Speech Award
O Freedom of Speech Award DW

 “Quase não se podem suportar as reportagens de Mstyslav Chernov e Evgeniy Maloletka, mas o que realmente dói é a verdade que eles mostram, ou seja, os ataques da Rússia à Ucrânia e à população civil sob pretextos ilusórios. Toda história tem nuances, mas os fatos não são negociáveis. O que o Kremlin tenta fazer é  distorcer os fatos e propagar notícias falsas”, diz Peter Limbourg, diretor-geral da DW. “O Freedom of Speech Award para Mstyslav Chernov e Evgeniy Maloletka faz honra à sua coragem excepcional de lutar contra essa propaganda e contra informações falsas. O prêmio mostra que a luta deles é uma luta pelos direitos humanos, pela verdade, pela democracia e pela liberdade, uma luta por nós todos. E por essa luta, eles pagam um preço muito alto”.

Você encontra aqui mais informações: Newsletter do DW Global Media Forum. O GMF em Twitter, LinkedIn e Facebook

© www.deutschland.de