Dar impulsos digitais

Pessoas, que têm coragem de investir em novas ideias, preparam a Alemanha para o futuro. Três exemplos do setor digital.

Verena Pausder
Verena Pausder Kim Keibel

Verena Pausder: por um acesso equitativo à educação digital

Verena Pausder é uma pioneira da educação digital. Nascida em Hamburgo, ela desenvolve, em cooperação com a empresa Fox & Sheep e as oficinas digitais HABA, apps de aprendizagem e apps de jogos. “Todas as crianças devem ter as mesmas chances de acesso à educação digital”, diz Pausder. Em 2017, ela fundou a associação Digitale Bildung für Alle (Educação digital para todos). Devido à pandemia de coronavírus, ela elaborou um setor de Web sobre educação domiciliar (a chamada Homeschooling), dando início ao hackathon da educação #wirfürschule.

Pascal Finette: pensar dando grandes passos

Pascal Finette cresceu em Colônia e está dando impulso no Silicon Valley. Sua empresa dirige o programa de fundadores Singularity University, promovido por Google. Finette anima os fundadores e as fundadoras a enfrentar os difíceis problemas dos nossos tempos, encontrando soluções tecnológicas. Ele somente apoia ideias que “possam ajudar a humanidade a dar um grande passo usando a tecnologia exponencial”.

Pascal Finette
Pascal Finette Pascal Finette

Catharina van Delden: o cliente como programador

Catharina van Delden é fundadora e gerente da empresa innosabi. Essa startup é uma das maiores ofertantes internacionais de software para o gerenciamento de inovações. A plataforma dessa empresa é usada por firmas para desenvolver novos produtos em cooperação com os clientes. Quando ainda era estudante da Technische Universität de Munique, van Delden já trabalhava na sua ideia, tendo fundado a innosabi em 2010. Ela diz: “A inovação é a justa esperança de que algo venha melhorar”.  

Catharina van Delden
Catharina van Delden innosabi

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: