Por um mundo justo

Joias de areia e um restaurante de sobra limpa de produtos alimentícios. Isto é o que os jovens fazem por um mundo mais justo.

“De resto, felizes”. Iniciativa contra o desperdício de meios alimentícios.
“De resto, felizes”. Iniciativa contra o desperdício de meios alimentícios. dpa

Alemanha. “Isso não é justo!”. Tendo uma ideia do lado negativo da globalização e para dar um outro impulso, muitos voluntários dos programas de intercâmbio voltam do “Sul globalizado”. A Karl Kübel Stiftung (Fundação Karl Kübel) distribui o prêmio Fairwandler-Preis a jovens que lutam por um mundo justo. Eles recebem 2 500 euros e um auxílio prático. Este são os quatro premiados em 2018:

Atividades extraordinárias. Os ganhadores do prêmio Fairwandler-Preis 2018.
Atividades extraordinárias. Os ganhadores do prêmio Fairwandler-Preis 2018. KKS/Thomas Neu

Kauri – joias sem exploração

 “Mas sem aliança de casamento de ouro!”, foi o que Tina Boes pensou quando seus amigos disseram que iam casar. Em uma estadia no Peru, ela ficou conhecendo as graves violações que a exploração do ouro exerce sobre o meio ambiente e os direitos humanos. Boes, estudante da Folkwang Universität der Künste de Essen, e dois colegas de estudo fundaram „Kauri“, uma plataforma online para joias de produção justa de materiais sustentáveis. Seu novo projeto são alianças de casamento feitas de areia.

Orientação múltipla com mudança de perspectivas

Não é absurdo que as pessoas expliquem fatos sobre a Migration (migração), não estando, elas próprias, afetadas por ela? Felix Popescu já trabalhava ativamente na educação política, quando começou a pensar nessa questão. Daí, então, ele deu início ao projeto Multi-Schulung Flucht (Formação múltipla sobre a fuga), formando na Alemanha jovens que se transformam em multiplicadores, assumindo a tarefa de explicar nas escolas as causas da fuga e o racismo, partindo de várias perspectivas.

 

De resto, felizes. Agindo contra o desperdício de meios alimentícios

Christine Lutz teve uma experiência decisiva. Trabalhando em um café, ela tinha de jogar fora a sobra limpa de doces. “Fiquei chocada!”. Desde então, ela e suas amigas da associação „Restlos glücklich“ (“De resto, felizes”) lutam contra  o Lebensmittelverschwendung (desperdício de meios alimentícios). Essa associação ensina a crianças e adultos como lidar sustentavelmente com meios alimentícios, oferecendo cursos de culinária. A associação possui também um restaurante em Berlim, onde são feitas comidas bem finas, usando meios alimentícios que seriam jogados no lixo.

GlobalMatch. Melhorando o mundo em um tandem

Cooperação de igual para igual, em vez de ajuda ao desenvolvimento unilateral. Tendo esta intenção, estudantes de Munique fundaram a plataforma online GlobalMatch, onde os habitantes do Norte e do Sul podem se comunicar diretamente, transmitindo conhecimentos, encontrando parceiros de tandem profissionais, com os quais se podem desenvolver projetos. A iniciadora da plataforma Katharina Jung e 30 voluntários integrantes do grupo pretendem transformar a GlobalMatch em uma ONG profissional para o nachhaltige Entwicklung (desenvolvimento sustentável).