“Upcycling” está em moda

Transformar coisas descartadas em novos produtos. Esta é a ideia de “Upcycling”, boa para o meio ambiente e a carteira.

Bildagentur Zoonar GmbH/shutterstock - Upcycling

Descartar coisas usadas já não existe mais. A reutilização é o futuro. “Upcycling” é o novo termo em tendência, se bem que isso já tenha existido há algum tempo. Coisas velhas ou descartadas adquirem uma nova função, tornando-se reutilizáveis. Exemplos? Fazer sandálias de pneus velhos, bolsas de garrafas de PET, cadeiras de pallets de madeira. “Upcycling” já se tornou comum em muitos países em desenvolvimento. Na Alemanha, as velhas gerações também sabiam como se usar cabos de eletricidade, por exemplo, para fazer cadeados de bicicletas, seguindo o dito: “A necessidade é a mãe da invenção”.

Nova função para um produto velho

O desejo das pessoas de fazer individualmente algo incomum explica porque “Upcycling” está se tornando tão popular na Alemanha e em outros países industriais nos últimos tempos. Tudo o que gira em torno da criatividade, do trabalho manual e do faça-você-mesmo está tão em voga como nunca. “Upcycling” é moda. Este desenvolvimento também foi reconhecido por Stanislaus Teichmann e Eric Pieper, de “Upcycling Deluxe”, de Berlim, que já estão vendendo há três anos na sua loja, na avenida Kastanienallee, chapéus feitos de sacos de café velhos, brincos feitos de pedrinhas de lego, cabides para chaves feitos de livros e carteiras feitas de material de embalagem. “Queremos fazer algo sustentável”, diz Teichmann. Ao contrário da reciclagem, “Upcycling” faz com que a matéria prima tenha um valor maior, pois ela retorna ao círculo de mercadorias, ou seja, ao mercado, diz o proprietário da loja.

A Alemanha é pioneira na Europa em matéria de reutilização de produtos descartados. Em quase nenhum outro país europeu é feita tanta reciclagem como aqui, ou seja, 70% de todos os materiais de embalagem. Todavia, segundo uma pesquisa atual, cada cidadão alemão produz anualmente 614 quilos de produtos descartáveis, 131 quilos mais do que a média dos europeus. Futuramente, quem usar o barril de vinho vazio como casinha para o cachorro, a colher de prata da vovó como gancho de parede ou o velho computador como caixa de correio não estará apenas criando uma originalidade, mas contribuindo para o bem do meio ambiente.

www.weupcycle.com

© www.deutschland.de