O que desejamos

Sinceridade no sexo, fidelidade nas parcerias: O jornalista científico Christoph Drösser sobre a vida amorosa dos alemães.

Atração: Os alemães acham muitas coisas atraentes
Atração: Os alemães acham muitas coisas atraentes kumpol shuansakul/EyeEm - stock.adobe.com

Sr. Drösser, como jornalista científico o senhor lida com a vida amorosa e sexual dos alemães, entre outras coisas, e em 2017 publicou o livro “Wir Deutschen und die Liebe” (Nós, Alemães, e o Amor). A que conclusões particulares o senhor chegou?
O clichê dos alemães constrangidos não foi confirmado em nenhum caso. Pelo contrário, o que se constata é que os alemães experimentam muito em sua vida sexual e estão abertos a práticas diferentes. Mas o que eu acho mais interessante é como eles são tolerantes em relação aos outros. A atitude predominante: o que adultos fazem de forma consensual é sua questão privada e deve ser tolerado. Não há nenhum dedo moral em riste, mesmo quando se trata de temas controversos como prostituição ou pornografia.

Christoph Drösser: notável aceitação constatada
Christoph Drösser: notável aceitação constatada Liesa Johannssen

Como a homossexualidade é vista na Alemanha?
A homossexualidade é inteiramente aceita por uma grande maioria. Mas o que honestamente me surpreendeu foram os altos índices de aprovação do casamento para todos, que pudemos constatar em 2017 com uma extensa análise de dados para o nosso livro. 63% eram a favor da igualdade total para as parcerias “gays”, mesmo naquela época. Isto é notável, considerando as longas discussões políticas que precederam a introdução do casamento para todos. Também constatamos 59% de apoio para o direito dos homossexuais de adotarem filhos.

Muitos resultados das suas pesquisa apontam para a diversidade e a mudança nas relações amorosas dos alemães. Existe uma constante?
Sim, as ideias de parceria, não importa a forma de relacionamento, ainda são bastante conservadoras. Uma imagem ideal dominante é de que se viva junto, se possível, com um parceiro, que se seja fiel – e uma traição significa uma crise grave. Mesmo os solteiros dizem, em sua maioria, que querem um parceiro com quem envelhecer. A propósito, os homens são mais fixados num compromisso sério do que as mulheres. Enquanto as mulheres estão mais dispostas a terminar um relacionamento, os homens são mais agarrados.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: