Descobrir o futuro

Da eKombi até o Maybach cabriolé: Estes modelos incentivam a mudar para os carros elétricos. 

Volkswagen I.D. BUZZ
Volkswagen I.D. BUZZ Volkswagen AG

Alemanha. Após a discussão em torno do diesel, chegou a hora da eletromobilidade? No Salão Internacional do Automóvel (IAA), em Frankfurt do Meno, as grandes indústrias automobilísticas alemãs apresentam as suas concepções de eletromobilidade. Apresentamos aqui os modelos especialmente interessantes.

Mini Electric

Já há quase dez anos, a Mini fez importante trabalho pioneiro para o Grupo BMW. As experiências com o modelo experimental elétrico 600 Mini fluíram no desenvolvimento do BMW i3. No IAA, o Grupo BMW apresenta agora o primeiro modelo exclusivamente elétrico de série do Mini, que deverá ser lançado no mercado em 2019. O cerne elétrico do protótipo de design pode ser reconhecido também no lado de fora: as cores prata e amarelo, bem como o típico emblema elétrico, caracterizam seu visual. O fabricante promete uma “sensação de kart”.

MINI Electric Concept
MINI Electric Concept BMW Group

eKombi VW 

Também já está decidida a produção em série da Kombi Volkswagen com motor elétrico. A grande ressonância positiva do protótipo I.D. Buzz motivou a decisão. Através do motor elétrico, que ocupa pouco espaço, os eixos dianteiro e traseiro, podem ficar bem distantes. Assim, o carro parece curto por fora, como um Van compacto, mas oferece internamente tanto espaço quanto um furgão. A Kombi VW elétrica deverá ser lançada no mercado em 2022. 
 

Volkswagen I.D. BUZZ
Volkswagen I.D. BUZZ Volkswagen AG

Mercedes-Maybach 6 cabriolé

Inicialmente, o Mercedes-Maybach 6 cabriolé continuará sendo um sonho. Para o robusto protótipo em elegante azul marinho metálico está previsto um motor elétrico de 750 HP. Ele poderá proporcionar um desempenho típico dos carros-esporte e uma autonomia de 500 quilômetros.

Mercedes-Maybach 6 cabriolé
Mercedes-Maybach 6 cabriolé Daimler AG

Bosch eAchse

Os grandes fabricantes de automóveis terão concorrência do seu próprio fornecedor. A Bosch desenvolveu o chamado eAchse, um eixo com motor elétrico que, depois de adaptado ao respectivo modelo, pode ser montado rapidamente e de maneira simples em carros pequenos, SUV e até mesmo em utilitários leves. Isso pode poupar aos fabricantes de automóveis o desenvolvimento próprio – e trazer faturamento bilionário à Bosch. A produção em série está prevista para o ano de 2019.

Salão Internacional do Automóvel (IAA) em Frankfurt, de 16 a 24 de setembro

© www.deutschland.de