“Em Berlim, todos são aceitos”

Sarah Slik veio recentemente para a Alemanha. Aqui, vocês podem ler porque ela sente bem lá

Sarah Slik conta do seu começo na Alemanha.
Sarah Slik conta do seu começo na Alemanha.

Nascida em Abu Dhabi, ela mudou com cinco anos para o Canadá, depois morou na Síria, estudou na Malásia, trabalhou no Japão e veio para a Alemanha há alguns meses, pois seu marido conseguiu um emprego em Berlim. Ela conta porque ela pensa agora em ficar aqui.

Sarah, como foi o seu primeiro dia na Alemanha?
Meu primeiro dia foi o mais lindo dia na Alemanha até agora. Era verão, calor muito agradável e o pôr do sol acontecia só ás 10 horas da noite. Andamos por Berlim todo o dia e fiquei totalmente surpresa de como esta cidade é bacana.

Você já se sente em casa aqui?
Muito raramente eu me sinto em casa em um lugar. Ainda não estou bem em casa na Alemanha, mas me sinto aqui normal, não dou na vista, não sou nenhuma coisa exótica. Berlim é uma loucura de cidade internacional. Aqui, todo mundo encontra um jeito de ser aceito.

Qual foi a parte mais difícil da sua mudança para a Alemanha?
No começo já foi um desafio saber quais papeis e documentos a gente precisa. Eu recomendo que todos se informem bem antes, que leiam artigos, que ouçam podcasts e que se comuniquem com outras pessoas no Facebook.

O que você pretende fazer nos próximos dias? Quero conquistar a língua alemã como em assalto (ela ri). Já estou fazendo, há dois meses, um curso intensivo de língua e quero me concentrar nisso, pois a língua ajuda a conseguir um bom emprego. Em comparação com o japonês, a língua alemã me parece ser realmente possível.

Existe alguma coisa em Berlim que você ainda não conseguiu?
Gostaria de ter alguns amigos. Sendo “expats”, temos um ambiente muito internacional, mas quero ter contato com as pessoas locais. Tenho até agora a impressão de que os alemães são muito abertos e simpáticos.

Vocês já têm um plano de qual será o próximo país para vocês?
Não. É engraçado que ainda não. Mas tenho uma certa sensação de que vamos ficar na Alemanha por bastante tempo.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: