Atores turcos na TV alemã

Seja em séries tradicionais como “Tatort” ou em longas-metragens alemães: os atores alemão-turcos são muito requisitados diante da objetiva das câmeras. Adnan Maral e Aylin Tezel são dois bons exemplos disto.

picture-alliance/dpa

Os filmes dos astros Til Schweiger e Matthias Schweighöfer ficaram para trás: com 2,5 milhões de espectadores, “Türkisch für Anfänger” foi o filme alemão de maior sucesso nos cinemas no ano de 2012. O filme de estreia de Bora Dagtekin, autor várias vezes premiado, baseia-se na série homônima da televisão, que narra a vida turbulenta da família nuclear turco-alemã “Schneider-Öztürk”.

Na comédia hilariante sobre preconceitos culturais e clichês sobre o papel dos sexos, Metin Öztürk é o chefe de família, um pai descasado e comissário de polícia, que se apaixona por uma alemã, mãe de uma filha. O papel de Metin é representado pelo ator turco-alemão Adnan Maral, que nasceu num pequeno povoado da Anatólia, em 1968. Adnan tinha dois anos de idade, em 1970, quando veio com a mãe e seus dois irmãos mais velhos juntar-se ao pai que já morava em Frankfurt do Meno. Com 21 anos, ele iniciou sua formação de ator no teatro Schauspielhaus de Frankfurt. Posteriormente, estudou direção cinematográfica na Hochschule für Gestaltung de Offenbach. Depois de Frankfurt, ele obteve engajamento teatral fixo no Deutsches Theater de Berlim e no Berliner Schaubühne, assim como papéis isolados em episódios das séries “Marienhof”, “Tatort” ou “Rosa Roth”. Também na vida real, Maral aprecia o binacional: ele é casado com uma suíça e vive com a sua família, esposa e quatro filhos, no interior, nas proximidades de Munique.

Na televisão alemã, também Aylin Tezel pode ser vista regularmente desde 2012 – como a investigadora Nora Dalay da equipe policial no novo “Tatort” de Dortmund. Policiais turcos fazem parte entretanto do repertório fixo de papéis desta série criminal clássica da televisão alemã. Tezel nasceu em 1983 em Bünde, como filha de uma enfermeira alemã e de um médico turco, e foi criada em Bielefeld. Ela frequentou a renomada Escola Superior de Artes Dramáticas Ernst Busch, de Berlim, e é professora de dança. O ponto alto da sua carreira até agora: pelo papel principal no longa-metragem “Am Himmel der Tag” – a estudante Lara, grávida por descuido e que acaba sofrendo um aborto, Tezel ganhou em 2013 o Prêmio Alemão de Arte Dramática na categoria de “Melhor Atriz Novata”.

18º Festival de Cinema Turquia-Alemanha de 14 a 24 de março de 2013 em Nuremberg

© www.deutschland.de