Pesquisa de vacinas na Alemanha – Os pioneiros

Robert Koch, Paul Ehrlich e Emil von Behring lograram grandes feitos. Aqui você fica sabendo mais sobre os três ganhadores do Prêmio Nobel.

Paul Ehrlich
Paul Ehrlich picture alliance/akg-images

Paul Ehrlich

(1854–1915), Imunologista

Paul Ehrlich havia estudado Medicina, mas não via seu futuro tratando de ­pacientes. Ele preferiu dedicar-se à ­Química. Foi assistente de Robert Koch, ­trabalhou com Emil Behring e desen­volveu os princípios da pesquisa de imunidade. Em 1908, recebeu o Prêmio ­Nobel de Medicina por seu trabalho em imunologia. Com sua “teoria da cadeia lateral”, havia explicado o princípio básico da imunidade. Com a ajuda desta ­teoria, ele também desenvolveu o primeiro agente quimioterápico eficaz e é, portanto, considerado o fundador da quimioterapia. Ehrlich conseguiu curar a sífilis com “Salvarsan”. Isto lhe trouxe um grande reconhecimento internacional.

Robert Koch

(1843–1910), Microbiologista

Robert Koch
Robert Koch picture alliance/akg-images

Em 1876, num laboratório mal equipado em sua casa, Robert Koch conseguiu isolar o agente causador do antraz. Foi o primeiro a provar que um micro-organismo era a causa de doença infecciosa.
O médico do interior, até então desconhecido, foi chamado para Berlim, onde pôde continuar seu trabalho sob melhores condições e descobriu o patógeno
da tuberculose em 1882. Isto o tornou mundialmente famoso. Em 1905, recebeu o Prêmio Nobel de Medicina pela descoberta. Ele também detectou o patógeno da cólera numa viagem de pesquisa à Índia em 1883. Um cientista ­italiano já o havia descrito antes, mas eles não se conheciam.

Emil von Behring

(1854–1917), Serologista

Emil von Behring
Emil von Behring picture alliance/dpa

Desde cedo, o médico militar Emil Behring estava convencido de que os agentes infecciosos não deveriam ser combatidos com produtos químicos ­estranhos ao corpo, mas com antídotos formados pelo próprio corpo em defesa contra as bactérias. Mas foi somente no laboratório de Robert Koch em Berlim que ele pôde prosseguir com sua ideia e criar os primeiros soros curativos contra duas temidas doenças infecciosas, a ­difteria e o tétano. Isto lhe rendeu o primeiro Prêmio Nobel de Medicina em 1901. Com o dinheiro do prêmio, ele fundou em Marburg a Behringwerke para ­fabricar o soro. Em 2020, a Biontech assumiu o laboratório e produz lá a nova ­vacina.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: