Livro didático alemão-polonês

O ministro federal das Relações Externas Frank-Walter Steinmeier e seu homólogo polonês Witold Waszczykowski apresentaram em Berlim o primeiro volume de um livro didático alemão-polonês.

dpa/Klaus-Dietmar Gabbert - Deutsch-polnisches Schulbuch

A cidade, como sempre no seu dia a dia, mas o projeto, espetacular. Em 22 de junho de 2016, no auditório da escola Robert-Jungk-Oberschule, em Berlim, o ministro federal das Relações Externas da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier e seu homólogo polonês Witold Waszczykowski apresentaram juntos, na presença do ministro federal da Educação de Brandemburgo, Günter Baaske, o livro didático “Europa. Unsere Geschichte” (Europa. Nossa história). É a primeira obra editada em comum pela Alemanha e Polônia para o uso escolar. Seu conteúdo começou a ser desenvolvido em 2012 por historiadores, peritos em didática e autores de ambos os países. O primeiro volume da série ficou agora pronto, em duas línguas, bem a tempo da comemoração do 25º aniversário do Acordo de Vizinhança Alemanha-Polônia.

 “É maravilhoso fazermos juntos esta apresentação”, disse Steinmeier para seu colega polonês. Fazer uma visita a essa escola em Berlim, onde um quarto dos alunos aprende em alemão e polonês, seria para ele tão importante como a cerimônia que deveria acontecer depois na chancelaria federal. Para o ministro polonês, este livro tem tanto um caráter político como uma importância prática.  “Os alunos ficam conhecendo a história a partir da perspectiva comum”, diz Waszczykowski. Isto aprofundaria a tolerância do correspondente ângulo de vista e ajudaria a eliminar estereótipos.

Outros três volumes estão planejados

Já em 2008, os governos da Polônia e da Alemanha tinham concordado em elaborar um livro didático comum para o uso escolar. Os alunos da 5ª à 10ª série na Polônia e na Alemanha irão aprender, com esse primeiro volume, a história da Europa, da antiguidade até a Idade Média. Esse material didático corresponde aos currículos de ambos os países. Outros três volumes deverão seguir até 2020, os quais incluirão a história da Europa até o começo do século XXI.

Os membros do Conselho de Peritos acentuaram que esse livro é, em primeira linha, um livro didático de história e, em segundo plano, um projeto alemão-polonês. “É uma narrativa histórica comum da Europa. É o valor acrescentado”, disse Robert Traba, presidente da Comissão Comum Alemanha-Polônia do Livro Didático, existente já desde 1972. Isto é também o que esperam os alunos que estiveram no palco do auditório da escola de Berlim, juntos com os peritos. “Veremos a história dos dois ângulos de vista. Isto será mais objetivo e haverá temas que até agora tinham sido economizados”, disse uma aluna da 8ª série, que viera de Posen. 

www.auswaertiges-amt.de

© www.deutschland.de