Livros que representam o mundo

O Prêmio Alemão do Livro, a Feira do Livro e o mercado de livros. Aqui, vocês podem encontrar todos os fatos acerca do livro.

O mercado de livros registra grande perda de vendas por causa do coronavírus.
O mercado de livros registra grande perda de vendas por causa do coronavírus. Kara - stock.adobe.com

Em todo outono europeu, a cidade de Frankfurt se torna a capital mundial das ideias literárias. Milhares de pessoas vêm todo ano em outubro para esta metrópole às margens do Meno, para se informar, na Feira do Livro de Frankfurt, sobre boas histórias, sobre as novas tendências e para participar de interessantes conferências. Esse grande evento cultural vem atraindo os apreciadores de livros desde 1949. Em 2019, 7 450 editoras de 109 países expuseram suas publicações para 302 267 visitantes da feira. 

A Feira do Livro em tempos do coronavírus

Em 2020, tudo será diferente. Por causa da pandemia de coronavírus, a “Edição Especial” da Feira do Livro foi transferida para a internet, cujo evento oferece no website, sob o lema "All together now", um acesso digital grátis.

Mesmo que seja digital, é muito importante que essa feira do livro possa acontecer, apesar da crise de coronavírus. O cerramento das livrarias por muitas semanas significaram uma grande perda para o mercado livreiro alemão. Segundo a Associação de Editoras e Livrarias da Alemanha, o volume de vendas de março até de abril esteve 65,7 por cento abaixo do volume de vendas do mesmo espaço de tempo do ano anterior.

As editoras também vêm tendo grandes perdas devido ao cancelamento de conferências ou feiras. De janeiro a maio, a queda foi de 14,5 por cento em comparação com o ano anterior. Muitas novas publicações foram adiadas para 2022. Por causa da crise, diversos livros nem mesmo puderam ser editados.  

O Prêmio Alemão do Livro de 2020

Como de costume, a Feira do Livro começa com o Prêmio Alemão do Livro, entregue em 12 de outubro. Os convidados e os candidatos e candidatas nomeados podem acompanhar esse evento ao vivo, via Livestream na internet, a partir das 18h00. Desde 2005, o melhor romance do ano em língua alemã vem sendo premiado pela Associação de Editoras e Livrarias da Alemanha. Este prêmio garante que o livro premiado se torne um sucesso de vendas.

Entre os mais conhecidos candidatos de 2020 estão o escritor e comediante Bov Bjerg, com seu romance “Serpentinen”, e Thomas Hettche com “Herzfaden: Roman der Augsburger Puppenkiste”. Além destes, quatro candidatas estão na lista restrita: a suíça  Dorothee Elminger, com “Aus der Zuckerfabrik”, Anne Weber, com o romance “Annette, ein Heldinnenepos”, a escritora de romances e debutante Deniz Ohde, com “Streulicht”, e Christine Wunnicke, com “Die Dame mit der bemalten Hand”.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: