Profissionais são bem-vindos!

A lei de imigração de mão de obra facilita desde 2020 a migração de mão de obra qualificada para a Alemanha.

A Alemanha facilita a imigração de mão de obra especializada.
A Alemanha facilita a imigração de mão de obra especializada. FS Productions

A economia alemã está com falta de mão de obra qualificada. Existem milhares de empregos vacantes. Por isso, a lei de imigração de mão de obra qualificada facilita desde março de 2020 a vinda para a Alemanha de pessoal profissional de países não pertencentes à UE, sendo que a clara mensagem é: profissionais são bem-vindos para permanecer aqui!

Quem é considerado profissional?

Tanto acadêmicos e acadêmicas com um diploma universitário, que seja reconhecido na Alemanha, como trabalhadores com uma formação profissional qualificada e reconhecida na Alemanha.

O que mudou através dessa lei?
 

  • Quem ainda não tiver um contrato de trabalho, mas uma formação profissional qualificada, poderá receber visto de permanência de seis meses, para poder encontrar um emprego. Nesse tempo, o candidato ou a candidata ao emprego pode trabalhar até 10 horas semanais no estágio probatório ou no desempenho de um estágio prático. As condições para tanto são em geral bons conhecimentos de alemão para a atividade almejada, onde a regra geral é o Nível B1.
  • Antes, a Agência Federal de Trabalho da Alemanha controlava se existiam candidatos ou candidatas da Alemanha ou da UE, que seriam apropriados para esse emprego, antes que uma empresa pudesse contratar um profissional de um outro país. Esse controle prioritário deixou de existir desde que a lei de imigração de mão de obra qualificada passou a vigorar.
  • A busca de uma vaga de estudo ou de formação profissional: estudantes de escolas alemãs do estrangeiro podem vira para a Alemanha não somente para estudar, mas também para procurar uma vaga de estudo ou de formação profissional.
  • A imigração de mão de obra especializada de países não pertencentes à UE não está limitada às chamadas profissões carentes de mão de obra qualificada.


Em quais profissões há falta de pessoal especializado?

Há a necessidade de empregados e empregadas com boa formação em quase todos os ramos.  Procurados são, por exemplo, médicos e cuidadores, especialistas em TI, engenheiros ou também – no contexto do desenvolvimento das energias renováveis – técnicos de calefação e de aquecimento. Desde a pandemia do coronavírus, as firmas do ramo de hotéis e restaurantes e do setor de logística estão procurando mão de obra qualificada.

Onde os profissionais do estrangeiro podem encontrar informações sobre o trabalho na Alemanha?

O portal em várias línguas make-it-ingermany.com reúne informações sobre a busca de emprego, qualificações, cursos de língua, vistos, mundo do trabalho e formalidades no dia-a-dia. O portal  anerkennung-in-deutschland.de também informa sobre o reconhecimento de diplomas e qualificações profissionais.

O que deverá ser feito futuramente para combater a falta de profissionais?

O governo federal alemão visa continuar modernizando a lei de imigração no contexto de uma nova estratégia de mão de obra qualificada. Planeja-se uma facilitação do reconhecimento de diplomas e qualificações profissionais. Outros pilares dessa estratégia são a formação e a especialização.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here to: