Descobrir a Alemanha viajando de trem

Dos Alpes até o Mar do Norte. Desfrutar os mais atraentes pontos turísticos da Alemanha viajando de trem, poupando também o meio ambiente.

Deutschland mit dem Zug entdecken
AdobeStock

Viajar de trem poupa os recursos naturais e não esvazia a carteira. Deutschland.de descreve aqui os percursos e os destinos turísticos mais bonitos:

Castelo de Neuschwanstein
Castelo de Neuschwanstein AdobeStock

De Munique a Füssen, em Allgäu

Munique, a capital da Baviera, é também um centro cultural. As coleções nacionais de pinturas nos museus Pinakoteken mostram obras de arte da Idade Média até o modernismo. Quem desejar, poderá ter online uma impressão dessas 25 000 obras de 17 museus. A Münchner Residenz, antigamente a sede dos reis bávaros, mostra cultura e história. O Deutsches Museum atrai as pessoas que têm interesse pela técnica. A ferrovia Bayerische Regiobahn leva os seus passageiros de Munique ao Castelo de Neuschwanstein, no vilarejo de Füssen. Essa viagem à construção lendária do rei Ludwig II passa pela região originária de Allgäu. Das janelas do trem pode-se apreciar o magnífico panorama das montanhas e dos prados dessa região.

TrainRoutes

 

Construção de estacas em Unteruhldingen
Construção de estacas em Unteruhldingen AdobeStock

De Radolfzell a Lindau, ao longo do Lago de Constança

Mas também vale a pena ver da janela do trem o panorama que se desenrola ao longo do Lago de Constança. A ferrovia Bodensee-Gürtelbahn leva seus passageiros de Radolfzell a Lindau, passando por um longo trecho diretamente nas margens desse lago. É uma viagem que vale a pena, pois um ponto turístico é também o museu ao ar livre Freilichtmuseum de Unteruhldingen, com suas estruturas de estacas reconstruídas. Essas ruínas arqueológicas, construídas há 5 000 anos sob a água, foram registradas em 2011 como Patrimônio Mundial da UNESCO. O bairro antigo da cidade insular de Lindau exibe as suas construções medievais e também a sua famosa entrada do porto com seu farol.

De Hamburgo a Sylt

Uma brisa nórdica dá as boas-vindas aos visitantes de Sylt. Essa ilha no Mar do Norte oferece uma boa gastronomia, 40 quilômetros de praias de areia fina e o Parque Nacional Frísio, o Wattenmeer.  Uma ferrovia de dique muito estreita une Sylt com o lado continental (mesmo quem quiser viajar de carro terá de tomar o trem de carro). Os trens da Ferrovia Regional Expressa partem de Hamburgo, viajando até o centro da ilha em Westerland. A viagem é uma experiência fantástica, pois o trem percorre mais de oito quilômetros do Parque Nacional Frísio, o Wattenmeer.

De Stralsund a Rügen

De bicicleta, a cavalo, fazendo caminhadas ou até mesmo tomando sol nas longas praias de Rügen, a maior ilha da Alemanha, pode-se ter uma viva impressão da natureza. Uma excursão às falésias de giz no Parque Nacional de Jasmund dessa ilha do Mar Báltico tem que constar da agenda turística, tanto quanto os penhascos costeiros de Kap Arkona. A viagem de trem a essa ilha parte de Stralsund ou de Rostock.