9 fatos sobre a proteção das espécies

Quantas espécies animais existem e onde se encontra a maior reserva natural? Nove fatos interessantes sobre a biodiversidade na Alemanha.

Cerca de 70% de todas as espécies animais no mundo são insetos.
Cerca de 70% de todas as espécies animais no mundo são insetos. picture alliance

1. Na Alemanha, existem cerca de 48.000 animais, 10.300 plantas e 14.400 espécies fúngicas. As espécies mais comuns são os insetos. Com cerca de 33.000 espécies, eles constituem cerca de 70% de todos os seres vivos.

2. 35% das espécies animais nativas e 26% das espécies vegetais na Alemanha são consideradas como ameaçadas de extinção. Isto se deve principalmente à agricultura. Cerca de 50% das terras da Alemanha são utilizadas para a agricultura.

As abelhas polinizam uma grande variedade de plantas, ajudando a preservá-las.
As abelhas polinizam uma grande variedade de plantas, ajudando a preservá-las. picture alliance/dpa

3. Os insetos voadores foram atingidos de forma particularmente dura: sua população diminuiu em 77% nos últimos 30 anos. 80% das plantas silvestres e muitas culturas dependem deles para a polinização. 60% das aves utilizam os insetos como fonte de alimentação.

4. A fim de combater a extinção, a Alemanha engaja-se por mais proteção das espécies. É por isso que existem mais de 8.000 áreas de conservação da natureza na Alemanha. Juntas elas cobrem uma área de 2.627.510 hectares, perfazendo 6,3% da área total da Alemanha.

5. A maior reserva natural fica em grande parte no mar. É o recife externo de Sylt, no Mar do Norte, na baía do Leste da Alemanha. Cobre 560.300 hectares. É considerada a área central da biodiversidade marinha no Mar do Norte e abriga numerosas espécies de peixes e mamíferos marinhos. Muitas aves marinhas ameaçadas de extinção utilizam a baía do Leste da Alemanha como área de alimentação, invernada, muda, como rota migratória e de descanso.

6. Todos os anos, a Alemanha investe cerca de 790 milhões de euros na proteção do clima, da natureza e do meio ambiente.

7. Em 1973, a Alemanha foi um dos primeiros países a assinar a Convenção de Washington sobre o Comércio Internacional das Espécies da Fauna e da Flora Silvestres Ameaçadas de Extinção (CITES). Destina-se a proteger animais e plantas ameaçados de extinção e cobre atualmente 5.800 espécies animais e 30.000 espécies vegetais. Internacionalmente, 183 Estados (cerca de 95% de todos os países) aderiram à convenção até agora.

No ano 2000, nasceu em liberdade na Alemanha o primeiro filhote de lobo, após 150 anos.
No ano 2000, nasceu em liberdade na Alemanha o primeiro filhote de lobo, após 150 anos.
picture alliance / Zoonar

8. O engajamento da Alemanha já está mostrando resultados. A águia-rabalva, a cegonha-preta ou a foca-comum estavam à beira da extinção. Graças às medidas de proteção das espécies, elas se recuperaram parcialmente na Alemanha. Outras espécies estão retornando e se restabelecendo, tais como os lobos.

9. Atualmente, existem 128 matilhas de lobos, 35 pares e 10 exemplares individuais em territórios da Alemanha. As maiores populações de lobos estão na Saxônia, Brandemburgo, Saxônia-Anhalt, Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental e Baixa Saxônia.

© www.deutschland.de

You would like to receive regular information about Germany? Subscribe here: